Blog

14 Fevereiro, 2020
Se tem os olhos amarelos, consulte o seu médico!
por Clínica Oftalmológica | Geral

Olhos amarelos são um sinal de diversas patologias que promovem o acúmulo de bilirrubina, pigmento presente na bile, que permanece no plasma sanguíneo até ser eliminada na urina. Essa condição é conhecida como icterícia.


Quais as doenças principais que podem causar icterícia



1. Hepatite
São as formas mais comuns de inflamação do fígado. A infecção também causa também náuseas, dor abdominal, mal-estar generalizado e vómitos.

2. Cirrose
Doença caracterizada pela morte das células do fígado. Ela é normalmente associada à hepatite crônica, ao consumo excessivo de álcool ou ao abuso de drogas e medicamentos.

3. Febre amarela
Transmitido pelo mosquito Aedes aegypti, o vírus infecta células de diversos órgãos, incluindo fígado, rins, coração e cérebro.

4. Anemia hemofílica
O corpo humano produz anticorpos que destroem as células vermelhas do sangue. Como o organismo não consegue repor as células na mesma velocidade em que elas são destruídas, surge a anemia. O processo causa, ainda, o acúmulo de bilirrubina e a icterícia.

5. Malária
É transmitida por mosquitos do gênero Anopheles. Ela é caracterizada pela tríade clássica de febre, calafrios e dor de cabeça. Algumas complicações da malária incluem o rompimento de glóbulos vermelhos do sangue e alterações na função das células do fígado. Essas duas condições levam à icterícia.

6. Síndrome de Gilbert e outros distúrbios menos comuns, como a síndrome de Dubin-Johnson. Na síndrome de Gilbert, os níveis de bilirrubina aumentam ligeiramente, mas geralmente não o suficiente para provocar icterícia. Essa doença é detectada com maior frequência nos adultos jovens durante exames de triagem de rotina.

7. Cancro
O cancro no fígado, pâncreas ou intestino podem causar icterícia. O acúmulo da bilirrubina dá-se quando os tumores invadem o funcionamento do fígado ou comprimem o ducto que transporta a bile.


Em qualquer um desses casos, o diagnóstico precoce é essencial para a cura.

No entanto, os olhos amarelados também são muito frequentes nos recém-nascidos, conhecidos como icterícia neonatal, mas nesses casos, geralmente acontece porque o fígado ainda não está completamente desenvolvido, e é preciso fazer o tratamento com luzes para eliminar o excesso de bilirrubina do organismo

Procure um médico o quanto antes!

0 comentários

Deixe o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

© 2019 Clínica Oftalmológica Dr. Avelino Resende | Política de Privacidade

Desenvolvido por O Carapau Criativo, 2020