Ptose

INÍCIO / especialidades / oculoplastica / 1356-2

O que é

Posição anormalmente baixa da pálpebra superior.

Surge habitualmente por uma disfunção do músculo elevador da pálpebra de origem congénita ou adquirida.

Pode ser unilateral ou bilateral, ligeira, moderada ou grave.

Tratamento

...resseção do elevador, suspensão pálpebra ao músculo frontal, resseção do músculo Muller ou cirurgia aponevrose do elevador.

Perguntas Frequentes

Existem diferentes técnicas, todas elas cirúrgicas que corrigem a ptose, que tem o objetivo todas elas de reparar o tendão que serve de base para levantar a pálpebra ou pelo menos recupere um pouco a sua tonicidade.

Apenas devem ser operados os que tem indicações funcionais e congénitas (risco de ambliopia) e cosméticas.

Pode ficar hipocorrigida ou hipercorrigida.

Podem surgir anomalias das pregas palpebrais, malformações do bordo livre ou uma exposição permanente da córnea.

Perguntas Não Frequentes

É uma falsa sensação de ptose, que pode ser devida a um globo ocular de pequeno tamanho, ptisis bulbi, dermatocalazia ou a uma retração palpebral do outro olho.

É o excesso de pele e bolsas de gordura nas pálpebras, tanto na parte superior como inferior dos olhos.

A sua causa principal esta relacionada com a idade, o envelhecimento natural da pele, sendo que a exposição excessiva ao sol seja um dos fatores a ter em conta.

As pessoas podem sentir a vista cansada, dificuldade em movimentar as pálpebras, alteração do campo visual periférico, edema palpebral e lacrimejo.

Por blefaroplastia.

É quando observamos que o bordo palpebral esta acima ou ao nível do limbo superior da córnea.

Doença ocular tiroideia
Neurogénica (ptose unilateral contra lateral, síndrome de Marcus Gunn, inervação anómala, etc)
Mecânica (após cirurgia)
Congênita (síndrome de Down ou de Duane)
Uremia

© 2019 Clínica Oftalmológica Dr. Avelino Resende | Política de Privacidade

Desenvolvido por O Carapau Criativo, 2019